CESE realiza formação em Incidência Política para organizações parceiras de ICCO e TdH Schweiz e TdH Suisse – Notícias | Cese | Coordenadoria Ecumênica de Serviço

Notícias

Data: 26.05.17

CESE realiza formação em Incidência Política para organizações parceiras de ICCO e TdH Schweiz e TdH Suisse

Caminhos de soluções, elaboração de planos de ação, análise de problemas e partes interessadas – esses e outros temas fizeram parte da semana de cerca de 20 jovens durante o curso de Incidência Política promovido por Terre des Hommes (TdH – Schweiz e Suisse).

A formação aconteceu de 15 a 19 de maio e reuniu representantes de organizações parceiras de Tdh, oriundos de três regiões do Nordeste (Bahia, Pernambuco e Paraíba). O curso faz parte do programa Change the Game, ministrado no Brasil pela CESE, parceira da organização Gansos Selvagens (idealizadora do programa) e MDF.

Para Alexandre Menezes, coordenador nacional da Terre des Homes Schwueiz, a formação em incidência política contribui para que os jovens possam reivindicar seus direitos. “Os jovens são as sementes do futuro. Se a juventude tem acesso à qualificação, visão mais crítica, política, mais apurada de como preparar uma campanha ou de como promover uma audiência pública, isso irá influenciar em como eles estarão fortalecidos para conquistar direitos”.

O curso consiste em duas etapas e o trabalho final é a construção pelas/os participantes de um plano de incidência política para suas organizações e/ou comunidades. A primeira fase, já realizada, abordou temas relativos à identificação dos problemas enfrentados pelos movimentos e possíveis maneiras de alcançar seus objetivos. Na segunda etapa, que será realizada em julho, os jovens irão aprofundar o tema de incidência política já com foco no trabalho final.

“Acho muito importante à participação de jovens nesses cursos porque nós também somos parte dessa sociedade. Fazemos parte desse grupo que precisa lutar. E a formação com essa metodologia mais participativa, que conversa e dialogo com a juventude e possibilita o intercâmbio entre as organizações, facilita o aprendizado. Mais do que o processo de formação na luta por direitos, também nos forma para a vida”, avaliou Nayanna Reis, do Movimento de Organização Comunitária (MOC) e participante do curso.

A metodologia aplicada no curso garantiu que as/os participantes pudessem ter a liberdade para manifestação das particularidades de cada comunidade, além de incentivar a troca de vivências entre as organizações representadas.
Luciana Pinto, coordenadora nacional de Terre des Hommes Suisse, explica a motivação da organização em promover o curso. “A TdH acredita no potencial transformador e mobilizador dos jovens na realidade onde eles estão inseridos e por isso oferecemos estes espaços de formação, para que estejam qualificados nessa interferência e estimulados a participação contínua na luta por direitos”.

Para finalizar, Luciana lembra a razão em ter convidado a CESE para a facilitação da oficina. “A partilha de valores, com relação ao apoio a projetos e relação com os movimentos sociais é o que nos permitem caminhar juntos em ações conjuntas. A credibilidade da CESE foi outro fator que influenciou essa parceria para realização do curso”.

Guatemala

Em abril, a CESE realizou, em conjunto com a organização holandesa MdF, a 1ª etapa do curso de incidência política para parceiros de ICCO na Guatemala. As/os participantes da formação atuam principalmente com direitos da juventude e direitos indígenas naquele país. A 2ª etapa do curso está prevista para acontecer em setembro e até lá a CESE trabalhará no acompanhamento à distância aos grupos participantes.