Movimentos sociais lançam campanha em defesa da Democracia e com críticas ao sistema político – Movimentos Sociais | Notícias | Cese | Coordenadoria Ecumênica de Serviço

Movimentos Sociais Notícias

Data: 13.07.22

Movimentos sociais lançam campanha em defesa da Democracia e com críticas ao sistema político

A Democracia que Queremos”: esse é o lema da campanha lançada em julho de 2022 pela Plataforma dos Movimentos Sociais pela Reforma do Sistema Político, formada por 128 organizações. O objetivo é discutir o modelo de democracia desejado para o Brasil, a partir da crítica ao atual sistema político.

De acordo com a Plataforma, a campanha acontece diante de uma conjuntura em que ocorrem diversos ataques ao processo democrático, reforçando a necessidade de se posicionar em defesa da democracia. Essa posição, no entanto, é acompanhada de críticas ao sistema político brasileiro, que, segundo a Plataforma, é excludente e mantém privilégios e desigualdades históricas.

Para pensar um outro sistema político, a campanha pretende debater temas como a sub-representatividade nos espaços de poder e das questões de raça, gênero e classe que estruturam o país e suas relações (econômicas, políticas, jurídicas, midiáticas, religiosas, etc). Segundo os realizadores, o objetivo da Plataforma é “radicalizar a democracia”, levando em conta que o modelo atual do sistema político é insuficiente para garantir uma nação democrática.

A campanha “A Democracia que Queremos” também pretende abordar a violência política que ameaça, sobretudo, mandatos e movimentos populares. Questões como a defesa do Estado Laico, dos direitos dos povos originários e tradicionais, da população LGBTQIA+, e o enfrentamento ao racismo e ao machismo também serão debatidas.

O evento virtual de lançamento acontecerá no próximo dia 19 de julho, a partir das 19h, no canal da Plataforma no YouTube. Também foi anunciada uma chamada pública de videoperformance voltada para artistas. Além da produção de conteúdo digital, a campanha pretende realizar atos públicos, intervenções urbanas e publicações de artigos que aprofundem o debate sobre o modelo de democracia desejado.

As ações estão previstas para ocorrer até o fim das eleições deste ano. De acordo com a Plataforma, a expectativa é que o processo eleitoral não represente apenas “uma troca de  turno no governo, mas um resgate da democracia e do que entendemos que deve ser a distribuição do poder e da representação no nosso país”.

Chamada de videoperformance artística

Sua arte dialoga com o debate político? Expressa democracia?

Então participe da chamada para a produção de videoperformance artística para a campanha A Democracia que Queremos, promovida pela Plataforma dos Movimentos Sociais pela Reforma do Sistema Político.

Ao todo, serão contempladas 10 propostas, apoiadas com o valor de R$ 500,00 cada.

O objetivo é, através da arte, refletir sobre os temas debatidos pela campanha: qual democracia que queremos?

Para repensar a democracia brasileira, a campanha propõe discutir o sistema político brasileiro a partir de seis eixos relacionados ao fortalecimento da Democracia Direta, Representativa e Participativa, além da democratização da Comunicação, do sistema de Justiça e do modelo econômico. Esses eixos se relacionam com os temas trabalhados pela Plataforma, que envolve o debate sobre racismo, gênero, participação das mulheres nos espaços de poder, direitos dos povos originários e tradicionais, direitos da população LGBTQIA+, laicidade do Estado, poder político e juventude, democracia comunitária e auto-organização política, sistemas de Justiça, econômico e de Comunicação; representatividade nos espaços de poder. É a partir desses eixos e temas que a Plataforma irá apresentar suas contribuições ao longo da campanha.

Na inscrição, a/o artista deve explicar a linguagem que será utilizada (poesia, cordel, música, teatro, dança, etc) e o que pretende apresentar. Apenas trabalhos autorais ou que não violem nenhuma propriedade intelectual serão aceitos – atenção ao uso de trilhas sonoras ou outros conteúdos que possam violar os direitos autorais. A Comissão que analisará as propostas terá, como critério, que garantir a diversidade regional, de gênero, étnico-racial, de linguagem artística e de temas escolhidos.

As inscrições estarão abertas entre 15/07 e 25/07. O resultado será anunciado no dia 26 de julho. As 10 propostas selecionadas deverão produzir um vídeo, inédito, com sua performance artística e enviar até o dia 4 de agosto. O pagamento será efetuado após a entrega dos vídeos, em no máximo 30 dias.

As produções serão publicadas nas redes sociais da Plataforma, com os devidos créditos.

Dúvidas podem ser encaminhadas para: comunicacaoreformapolitica@gmail.com

INSCRIÇÃO

Clique Aqui

PRAZOS

Inscrição: 15 de Julho a 25 de Julho de 2022

Resultado: 26 de Julho de 2022

Entrega do vídeo-performance: até 4 de Agosto de 2022

 

Para mais informações:

www.reformapolitica.org.br / comunicacaoreformapolitica@gmail.com