Nesse período de pandemia, o Programa de Pequenos Projetos da CESE segue recebendo propostas – Movimentos Sociais | Notícias | Cese | Coordenadoria Ecumênica de Serviço

Movimentos Sociais Notícias

Data: 26.05.20

Nesse período de pandemia, o Programa de Pequenos Projetos da CESE segue recebendo propostas

A pandemia Covid19 impactou fortemente a dinâmica de funcionamento da CESE, mas nós não paramos de trabalhar um só dia desde que as medidas de isolamento social começaram.

Inicialmente, dialogamos com organizações populares em várias regiões do país e de diversos segmentos sociais para compreender como estavam enfrentando a pandemia e levantar possibilidades de colaboração. Em paralelo, conversamos com nossos parceiros financiadores sobre a necessidade de ajustes nos nossos planos, de modo a atender às necessidades dos movimentos.

Esses diálogos resultaram, até o momento, em 30 propostas apoiadas, com mais de 500 mil reais aplicados em ações emergenciais envolvendo comunidades de periferia, povos indígenas, quilombolas, mulheres negras, trabalhadoras domésticas, trabalhadores/as rurais, imigrantes, comunidade LGBTQI+, entre outros segmentos.

Nesse momento, o nosso Programa de Pequenos Projetos está recebendo propostas, priorizando iniciativas de enfrentamento à pandemia que envolvam:

  • Ações de incidência política para assegurar direitos de segmentos vulneráveis da população.

Por exemplo, proposição e pressão para aprovação e acesso de políticas públicas de saúde e de apoio emergencial; acesso a serviços de atendimento a mulheres em situações de violência doméstica; iniciativas para garantia de fornecimento de água nas comunidades, entre outras.

  • Ações de defesa de direitos em casos de graves violações ou ameaças a comunidades e defensores/as de direitos humanos.

Por exemplo: denúncias, assistência jurídica em caso de invasão de territórios tradicionais e prisão de lideranças, entre outras.

  • Ações de formação, abordando temáticas relacionadas à pandemia, em sua interface com outras questões sociais.

Por exemplo: debates e oficinas sobre o impacto da pandemia sobre a população negra e povos indígenas; a importância da agroecologia para a soberania alimentar em tempos de pandemia; enfrentamento à repressão e autoritarismo como resposta à pandemia, entre outras.

  • Ações de comunicação para defesa de direitos, no contexto da pandemia

Por exemplo: produção de materiais educativos na área de saúde para grupos sociais específicos; divulgação de políticas e programas governamentais de apoio emergencial;  campanhas de mobilização de recursos, entre outras.

  • Iniciativas produtivas e de geração de renda

Por exemplo: produção e comercialização de alimentos agroecológicos e da agricultura familiar; confecção de máscaras, entre outras.

  • Intervenções urbanas em territórios populares para enfrentamento à pandemia

Por exemplo: medidas para melhoria do acesso à água em ocupações urbanas; organização de grupos de apoio a idosos/as e pessoas com deficiência; formação de brigadas de saúde, entre outras.

Importante: AS PROPOSTAS PODEM INCLUIR ITENS EMERGENCIAIS – ALIMENTOS, ITENS DE PROTEÇÃO, HIGIENE, LIMPEZA , PORÉM NESSE MOMENTO TEMOS POSSIBILIDADES LIMITADAS DE APOIO A ESSE TIPO DE DEMANDA.

SERÃO CONSIDERADAS AS REGIÕES PRIORITÁRIAS DA CESE (NORDESTE, NORTE E CENTRO-OESTE) PARA APOIO A PROJETOS DESSA NATUREZA.

ATENÇÃO!

·         As ações devem ser compatíveis com as medidas recomendadas de isolamento social.

·         As ações devem ser realizadas adotando-se as medidas necessárias de proteção e segurança, observando-se as especificidades no caso de povos indígenas e outros segmentos.

Consulte orientações para envio de projetos no link  https://www.cese.org.br/enviar-projeto/.

As propostas devem ser enviadas para o e-mail: projetos@cese.org.br